Batuque da Esperança

Prazo para captação:

De 11/04/12 até 31/12/13

Descrição

Realizar, na zona norte de S. J. do Rio Preto/SP, região que concentra mais de 150 mil habitantes, em sua maioria pessoas que vivem a exclusão cultural e social, oficinas culturais gratuitas, workshop

Quem Incentiva Pessoa Jurídica Pessoa Física

Região BR

Tipo de imposto abatido IR

Valor autorizado para captação:

R$ 1.008.175,00

Resumo

Realizar, na zona norte de S. J. do Rio Preto/SP, região que concentra mais de 150 mil habitantes, em sua maioria pessoas que vivem a exclusão cultural e social, oficinas culturais gratuitas, workshop

Objetivo

OBJETIVOS
Realizar Oficinas Culturais, workshops, palestras, exposições e apresentações gratuitas para preservar a memória e tradição do Carnaval de rua do interior paulista e também, para desenvolver o enredo “NOVELA, UMA PAIXÃO BEM BRASILEIRA”, que a Escola de Samba Império do Sol irá apresentar no Carnaval de rua de 2013 na cidade de São José do Rio Preto/SP. Este projeto é voltado para crianças, adolescentes, jovens, adultos e até para pessoas da 3ª Idade que vivem a exclusão cultural e social. Formação de mão-de-obra especializada para Escolas de Samba, grupos folclóricos e de teatro, entidades que trabalham com a cultura popular e a indústria do entretenimento.
O projeto BATUQUE DA ESPERANÇA deve ser realizado porque além de ser cultural e social, é voltado também para preservar a memória e a tradição do Carnaval de rua do interior de São Paulo. Seus participantes terão a chance de conhecer melhor essa manifestação popular. Eles vão ter um contato mais próximo com o mundo que cerca as Escolas de Samba, composto por várias manifestações artísticas. O projeto é voltado para a comunidade moradora da Zona Norte da cidade de São José do Rio Preto, principalmente para o público de baixa renda, que vive a exclusão cultural e social.
Propõe a realização de oficinas, workshops, palestras, performances, apresentações, exposições, demonstrações, vídeos e desfiles com o intuito de formação de mão-de-obra para os setores carnavalescos e similares. Serão desenvolvidas durante o período de abrangência do projeto (doze meses) oito oficinas: Oficina de Percussão e Confecção de Instrumentos (Luthier); Oficina de Figurinos e Fantasias, Oficina de Adereços Carnavalescos; Oficina de Corte e Costura; Oficina de Serralheria Artística; Oficina de Cenografia, Oficina de Música e Oficina de Dança. Essas oficinas terão a duração de 2 horas e serão ministradas duas vezes por semana. Como a comunidade é grande e existem muitos interessados, as turmas para estas oficinas serão formadas por 30 alunos cada, que além de participarem das oficinas, também farão parte da Escola que irá desfilar no Carnaval.
Agregados a essas oficinas acontecerão também workshops e palestras com profissionais convidados, cada um na sua especialidade, contribuindo assim para um aprendizado melhor, além de levar toda a história dessa manifestação popular, desde o seu surgimento até os dias atuais. Já estão contatados para essas palestras o conceituado cenógrafo brasileiro J. C. Serroni e o carnavalesco da Vai-Vai, o também cenógrafo Luis Carlos Rossi.

Nº do Diário Oficial

11.14645

Onde vai acontecer

SP: Todas as cidades

Data de realização

Não definida

Público

Jovens e adultos, público de baixa renda que vive a exclusão cultural e social. Serão 240 pessoas que participarão das Oficinas Culturais, adquirindo conhecimento e se preparando para o mercado de trabalho na indústria do Carnaval.

Descrição

O projeto constitui-se oito Oficinas Culturais, de workshops e palestras

Na Oficina de Percussão e Confecção de Instrumentos, os participantes, além de aprenderem a tocar, formarão um grupo de apresentação no estilo “Meninos do Morumbi”, podendo ser aproveitados não só na Escola de Samba, mas também para apresentações em várias regiões do país. Além dessa formação musical, eles também aprenderão a confeccionar instrumentos como tamborim, chocalho, surdo (1ª e 2ª), repinique, caixa com esteira e baquetas em madeira e silicone que serão usados na Bateria da Escola de Samba em 2013.

A Oficina de Figurinos e Fantasias vai ensinar os participantes a desenvolver figurinos e fantasias para Escolas de Samba, grupos folclóricos e de teatro, além de produzir roupas para rainhas e princesas de Festas Regionais. Também serão responsáveis pelo desenvolvimento de pilotos de fantasias carnavalescas, bem como a confecção dessas fantasias para o desfile da Império do Sol em 2013.           

A Oficina de Adereços Carnavalescos vai ensinar os participantes a produzir adereços em isopor, espuma, papelão, modelagem em gesso e resina, modelagem em acetato, adereçaria, confecção de acessórios de fantasias e armações em arame, material esse que será usado pela Escola Império do Sol no desfile de 2013.

Na quarta oficina, a Oficina de Corte e Costura os participantes vão aprender noções básicas desta profissão e confeccionar as fantasias no que se refere à parte de tecidos, fantasias essas que serão usadas no desfile da Império do Sol em 2013.

A Oficina de Serralheria Artística segue o modelo da anterior, com as noções básicas de serralheria onde os participantes irão desenvolver projetos de estruturas para costeiros e carros alegóricos. Chamamos de Oficina porque além da parte de serralheria, será ensinado a parte de modelagem em ferro e arame. Todos os alunos farão parte da equipe que construirá as estruturas dos Carros Alegóricos que a Império do Sol irá usar em 2013.

A sexta oficina, a Oficina de Cenografia, vai ensinar a parte de decoração dos carros alegóricos, aprendendo a fazer a disposição de adereços, enfeites, tecidos, forração, destaques, iluminação e efeitos especiais. Também os alunos dessas Oficina farão parte da equipe de cenografia que irá cuidar dos Carros Alegóricos da Império do Sol em 2013.

A Oficina de Música estará promovendo aulas de canto para os integrantes das alas e futuros intérpretes dos sambas-enredos. Na parte de composição a proposta é descobrir talentos para novos compositores de sambas-enredos na comunidade, abrindo espaço também para aulas de cavaquinho e violão. Nesta Oficina o arte-educador selecionará os talentos que poderão ir para a Avenida tocando e interpretando o samba-enredo de 2013.

Finalizando o ciclo de oficinas, a Oficina de Dança trabalhará as coreografias para a Comissão de Frente e ala de passo marcado, atividades essas que farão parte do desfile da Império em 2013. Desta Oficina também sairá o grupo de dança que será agregado ao grupo de percussão, grupo esse que será formado na Oficina de Percussão e Confecção de Instrumentos. Neste módulo haverá a abertura para a Escolinha de Mestre-Sala e Porta-Bandeira, preparando futuros casais, essa uma preocupação da Escola de Samba Império do Sol. Com os vários ritmos que estão surgindo, como a música eletrônica, axé, hip hop e funk, entre outros, o interesse por este tipo de dança tem diminuído muito, por isso a importância em ter essa abertura na Oficina de Dança. Nesta Oficina também será ministrado um módulo sobre a história do samba e das Escolas de Samba local, do Rio de Janeiro e São Paulo.

Em todas essas oficinas, os participantes, além de conhecimento, também vão adquirir experiência para uma futura profissão, com chances de trabalho remunerado nas Escolas de Samba de São José do Rio Preto e de todo o Estado de São Paulo, além de serem aproveitados profissionalmente em outros segmentos do mercado de trabalho ligados ao que aprenderam no projeto BATUQUE DA ESPERANÇA.

Este projeto pretende alcançar, principalmente, uma garantia de cidadania para os que vivem na exclusão cultural e social. Quer concentrar o seu trabalho no potencial dessas pessoas. Ele foi pensado para unir o útil ao agradável, porque com o crescimento da comunidade, culturalmente, profissionalmente e socialmente, quem ganha também é o Grêmio Recreativo Escola de Samba Império do Sol e, consequentemente, a própria sociedade. Visa garantir um futuro melhor para seus participantes, bem como, trazer-lhes mais conhecimento e dignidade dentro do mundo globalizado. A idéia é concentrar esses indivíduos em grupos para um aprendizado dirigido e que lhes garanta sucesso tanto na vida cultural, profissional e social. Eles terão a oportunidade de aprender algumas profissões, além de ter acesso ao lazer, à cultura, à inclusão digital e convivência em grupo. O projeto BATUQUE DA ESPERANÇA vai formar cidadãos que serão absorvidos pela própria Escola de Samba, com participações no Carnaval de rua da cidade; das cidades da região e em outros eventos do mesmo porte. É um projeto que busca também a valorização desses indivíduos, não permitindo assim, que o talento que possuem seja corroído através do tempo e desviado para outros caminhos. Mas ele não foi pensado somente para o Carnaval, mas também para o pós-Carnaval porque a vida prossegue. As conquistas que obtiverem com suas participações no projeto, vão valorizar ainda mais o currículo de cada um, abrindo portas e trazendo esperanças numa vida melhor.

Com o BATUQUE DA ESPERANÇA, a Império quer atingir uma nova forma de valorização para a Escola de Samba do interior paulista, muitas vezes relacionada apenas a gastos e trazendo pouco retorno para a comunidade. Apesar de não compactuarmos com esse pensamento, pois Escola de Samba é cultura e muito trabalho, queremos ampliar as atividades da Império do Sol, conquistando assim um maior espaço na comunidade local, trabalhando não só pelo engrandecimento da cultura popular, mas também para dar contribuição ao social.

Dentre os objetivos está ainda a realização de palestras e workshops com profissionais já consagrados do Carnaval paulista, como o cenógrafo Luis Carlos Rossi, que já trabalhou na Escola de Samba Vai Vai e J.C. Serroni, um dos maiores nomes da cenografia brasileira, tendo já realizado trabalhos junto a Escolas de Samba de São Paulo e Rio de Janeiro. Acreditamos ser esta uma forma de trazer novos conhecimentos e um contato mais direto com o trabalho realizado por estes profissionais.

PROJETO BATUQUE DA ESPERANÇA

                                               Proposta de contrapartida

TRABALHO DE DIVULGAÇÃO

– 06 Out-doors espalhados em pontos estratégicos de São José do Rio Preto divulgando o projeto – inserção da marca do patrocinador

-100 cartazes (somente uma cor) fixado nos ônibus urbanos que atendem os vários bairros da cidade divulgando o projeto – inserção da marca do patrocinador

– 30 cartazes coloridos fixados em pontos estratégicos da cidade (Centro Cultural, Casa de Cultura, Biblioteca Municipal, Mercado Municipal, Teatro Municipal, Acirp, Secretaria Municipal de Cultura, Secretaria Municipal de Assistência Social, Escolas Municipais – inserção nos cartazes da marca do patrocinador

– Matérias em emissoras de TV comunitárias divulgando o projeto – Canal 16 – TV da Cidade – Canal 30 – RPTV – entrevistas em programas jornalísticos onde será divulgada a marca do patrocinador

– Matérias jornalísticas divulgando o projeto nos jornais Diário da Região e BOM DIA – citação da marca do patrocinador nas matérias

– 5 mil panfletos divulgando o projeto – inserção da marca do patrocinador

– Tablóide mensal (jornal) mostrando as atividades desenvolvidas no projeto trazendo nos rodapés das páginas (04 páginas) a marca do patrocinador

BARRACÃO

– O Barracão da Escola de Samba onde serão realizadas as Oficinas irá funcionar diariamente, aberto aos alunos das Oficinas Culturais e para visitação da comunidade durante seis meses – Inserção da marca do patrocinador em parede da entrada do barracão, bem como nas paredes laterais internas do barracão

– Banner com a marca do patrocinador ao fundo do palco que será montado dentro do barracão onde serão feitas apresentações nos finais de semana de shows com roda-de-samba

CAMISETAS UNIFORMES

– 240 alunos das Oficinas Culturais usarão como uniformes camisetas trazendo o nome do projeto e da agremiação, com inserção da marca do patrocinador – eles usarão essas camisetas durante seis meses

– 8 professores, 01 coordenador, secretária e faxineira também usarão camisetas nos mesmos moldes

APRESENTAÇÕES

– Serão feitas apresentações dos grupos formados nas Oficinas de Canto, de Música, de Percussão e de Dança, na Praça Rui Barbosa, Praça Cívica, Mercado Municipal, Anfiteatro da Represa Municipal e bairros periféricos da cidade – Em todos esses eventos eles estarão uniformizados com camisetas preparadas para os shows trazendo a marca do patrocinador – Em todas essas apresentações serão fixados bunners com a marca do patrocinador

EXPOSIÇÕES

– Os trabalhos realizados nas Oficinas de Adereços, Corte e Costura, Cenografia e Serralheria Artística farão partes de exposições – Centro Cultural – Casa de Cultura – Mercado Municipal – em todos esses locais serão afixados banners com a marca do patrocinador

PRAÇA DE ALIMENTAÇÃO

– Será montada no Barracão uma praça de alimentação onde irá aparecer a marca do patrocinador. Este espaço irá atender diariamente os alunos e para funcionar durante os finais de semana quando serão apresentados shows prata da casa, com bandas contratadas e com a possibilidade de contratação de dois shows profissionais (artista de porte médio)

PALESTRAS

– O projeto vai fazer duas palestras com renomados profissionais de São Paulo – J.C. Serroni, premiado cenógrafo brasileiro com trabalhos renomados até no exterior e Luis Carlos Rossi, artista plástico com trabalhos realizados nas principais Escolas de Samba de São Paulo e Rio de Janeiro

– Essas palestras serão abertas à comunidade, inclusive para universitários nas áreas de arquitetura, designer e artes plásticas – haverá uma ampla divulgação dessas palestras – nos locais de realização a marca do patrocinador estará em destaque.

ORQUESTRA BRASILEIRA DO SAMBA E CHORINHO

A idéia com a formação dessa orquestra, é que ela percorra todo o território nacional, fazendo apresentações nas principais cidades do Brasil. Todos os participantes dessa Orquestra estarão uniformizados, sendo que nos uniformes estará estampado a marca do patrocinador, ou patrocinadores. Em todas as apresentações, banners ficarão expostos com a marca dos patrocinadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *